Gráfico de GANNT: conheça tudo sobre essa estratégia

Gráfico de GANNT

O planejamento, por mais que pareça algo básico nos dias de hoje, já foi um desafio no século passado. Mesmo que tenhamos atualmente diversos métodos para gerenciar projetos e monitorar a logística de uma empresa, o gráfico de GANNT foi uma revolução e mudou completamente a organização dos administradores.

Você certamente já ouviu falar sobre essa estratégia, não é mesmo? Por isso, hoje vamos desmembrar essa metodologia! Entenda neste artigo tudo sobre o gráfico de GANNT, incluindo como esse mapeamento de processos impacta nos projetos e como criar um modelo eficaz para as empresas.

Ficou interessado no assunto? Continue aqui e acompanhe! Boa leitura.

O que é o gráfico de GANNT?

O gráfico de GANNT possui uma história antiga em nossa sociedade. A sua primeira versão, que não a utilizamos mais, foi criada em 1890 pelo polonês Karol Adamiecki. Naquela época não havia este nome e muitas outras estratégias utilizadas por esse modelo de gerenciamento.

Porém, em 1910, o administrador Henry Gannt aproveitou os conhecimentos de Adamiecki e criou o modelo que usamos até hoje. Mesmo que seja antigo e tenha mais de um século, essa versão de gerenciamento de empresas ainda é adequada para os dias de hoje e auxilia muitos negócios.

Mas, afinal, o que ela é? Imagine que você tenha uma tarefa para ser realizada dentro de sua empresa. Para isso existem vários passos a serem tomados, até que o serviço seja concluído. O gráfico de GANNT é isto: a forma como você cria cada subtarefa e otimiza o trabalho para que ele seja mais produtivo e eficiente.

vantagens do gráfico de Gantt

Como o gráfico de GANNT impacta os projetos?

Sim, sabemos que você deve estar pensando “mas este é um processo básico dentro de uma empresa”. Porém, mesmo que pareça um processo simples e comum, um planejamento conciso, que faça a descrição de funções e que realmente otimize a organização de uma empresa é difícil de acontecer.

Quem nunca teve dor de cabeça, por exemplo, esperando que outra pessoa terminasse a sua tarefa para que você começasse a sua? Essa é uma estratégia que faz parte do gráfico de GANNT e que se fosse bem planejada, não iria acontecer.

Por isso, se você está pensando em adotar esta metodologia, é preciso entender quais são as vantagens dela até mesmo para saber se está funcionando ou não. Alguns dos pontos mais visíveis são:

  • Aumento de produtividade;
  • Ambiente de trabalho mais próximo e íntimo;
  • Tarefas concluídas mais rapidamente;
  • Menos estresse com divisões de serviços.

Como criar o gráfico de GANNT?

Se você é responsável pelas estratégias de trabalho dentro de sua empresa, vamos ensiná-lo a como desenvolver o gráfico de GANNT e aplicar de forma eficiente entre os colaboradores do negócio.

Por isso, neste momento é fundamental pegar uma caneta e um papel, pois todas as informações a seguir são de suma importância! Veja.

Liste materiais e atividades

Imagine que você esteja trabalhando com a montagem de um móvel. Para isso é necessário seguir o manual de instruções e ter ferramentas para que todos os passos sejam cumpridos. Porém, caso você não tenha uma furadeira, ou terá que inventar um método mais lento e complexo para substituir, ou não conseguirá montar todo o móvel.

O mesmo acontece dentro de uma empresa. Se você não listar os materiais e atividades de uma tarefa, certamente os colaboradores não conseguirão fazer tudo no tempo estimado e nem mesmo terminar da forma que é desejada.

Identifique a relação entre materiais e atividades no eixo vertical

Já que estamos tratando de um gráfico é primordial desenhá-lo num eixo vertical. Essa montagem permite que o colaborador subentenda a lista de importância da atividade e acompanhe quem vem antes e depois dele.

Os materiais também precisam ser listados neste eixo, uma vez que alguns são mais importantes que outros e precisam ser usados somente em algumas etapas.

Defina os responsáveis e prazos no eixo horizontal

Já em relação ao eixo horizontal é primordial que você preencha com os responsáveis pelos serviços e prazos que eles terão para cumprir a tarefa. Isto permite que todo o planejamento seja bem delimitado, que haja uma melhor comunicação corporativa e que o funcionário enxergue bem o que é necessário, qual posição ele se encontra, sobre o que ele é responsável e qual o tempo para entrega.

Esse passo a passo deve ser repetido para todos os compromissos da empresa, principalmente quando elas relacionam diferentes colaboradores e precisam de uma maior organização.

Como criar o gráfico de GANNT

Documente e salve o seu gráfico

Por fim, nunca deixe este processo somente desenhado em um papel. É fundamental que você documente o gráfico de GANNT numa máquina e que até mesmo deixe salvo em um sistema centralizado (para que ele não se perca com o tempo).

Passe todo o processo para o computador e salve o gráfico em uma pasta, seja local ou na nuvem, para que todos os gestores tenham acesso quando for necessário.

Gráfico de GANNT simplificado com o software da Miidas

Para você que chegou até aqui, temos uma proposta bastante interessante: que tal conhecer o gráfico de GANNT da Miidas? Somos uma empresa especializada em consultoria empresarial e oferecemos também um software otimizado, que faz a gestão inteligente de seu negócio sem a necessidade de elaborar tudo em um papel.

Com o PDCApp é possível realizar o planejamento por meio de uma ferramenta de qualidade, que permite a integração digital entre os times e organiza todos os processos internos de uma empresa.

Se você ficou interessado, fale com nossos experts!

Por fim, então, entendemos que o gráfico de GANNT é uma estratégia antiga na administração de empresas, mas que ainda funciona muito bem nas organizações dos negócios. Se você curtiu o assunto, aproveite para navegar em nosso blog e leia muito mais!