S&OP: o que é, vantagens e as 5 fases para implementar

s&op o que é

O S&OP, ou SOP, (Sales and Operations Planning) é uma estratégia corporativa que une o setor administrativo ao operacional. O objetivo é entender o futuro de uma empresa e ver se existem possíveis problemas nesse trajeto. Para isso, é feito o planejamento em 5 etapas, que visa corrigir possíveis falhas organizacionais e aumentar os lucros do negócio.

O mundo empresarial busca cada vez mais aprimorar as suas estratégias de gerenciamento e usar desse conhecimento para prever possíveis problemas e como solucioná-los no futuro (e até mesmo transformar esse infortúnio em lucros). Por isso, vamos entender neste artigo sobre S&OP o que é esse processo, para que serve e as fases para implementar. 

Se você ficou interessado no assunto, aproveite para entender tudo sobre essa ferramenta de qualidade, como o SOP se aplica dentro das empresas e as 5 fases que ele oferece para otimizar o funcionamento de seu negócio. Continue aqui e acompanhe!

S&op: o que é? 

Já ouviu falar sobre S&OP e o que é essa ferramenta? O termo é referente à sigla da expressão em inglês Sales and Operations Planning ou Planejamento de Vendas e Operações na tradução literal. Essa é uma forma que os empresários e gestores encontraram de unir as estratégias administrativas às operacionais, de forma que trabalhem juntas para o funcionamento da empresa. 

De forma geral, o S&OP busca antecipar situações problemáticas que um negócio pode passar em relação ao atendimento de seus clientes. Assim, são solucionadas antes de interferirem no resultado. Essa união estratégica é feita para solucionar gargalos e que até mesmo convertam em números positivos para a empresa. 

Então, a união entre setores, visa uma solução que traga benefícios não somente para cada time, mas para toda a empresa. O funcionamento integrado ajuda no gerenciamento interno do negócio. Afinal, as empresas são como um jogo de dominó: um setor interfere no outro. 

Qual é o objetivo do S&OP?

O objetivo do S&OP dentro de uma empresa é de integrar o administrativo ao operacional. A junção desses setores tende a otimizar os processos e a busca pela solução de problemas no momento de criar um planejamento. 

Além disso, essa estratégia também busca entender como os processos internos funcionam e se existe a possibilidade de falhas dentro do planejamento. Quando pensamos “S&OP: o que é?”, podemos associar diretamente a análise de riscos e como evitá-los para que a empresa continue lucrando e trazendo números positivos. 

Quais são as 5 fases do Sales and Operation?

Para você que está pensando em adotar o método Sales and Operation para a sua empresa, existem 5 fases fundamentais. Essas fases são obrigatórias dentro do planejamento dessa ferramenta. Sem isso, não há como aplicá-lo de maneira eficaz.

Então, pegue uma caneta e um papel, pois todas as informações a seguir são de suma importância para usar essa estratégia!

Atualização de dados

Por meio da atualização de dados é possível que você veja quais foram os resultados dos planejamentos passados e que crie uma nova medida por meio dessa análise. Por isso, é fundamental que a área comercial e administrativa juntem todas as documentações que registram contas, compras, entre outras transações dentro da empresa.

Com essas informações é possível desenhar um novo planejamento e usar o antigo como parâmetro (seja positivo, seja negativo) para as próximas estratégias.

Planejamento de demanda

O S&OP está diretamente associado ao planejamento interno. Em primeiro lugar, é primordial que a demanda da empresa seja planejada, considerando o consumo de recursos. Para isso, analise o histórico de dados, situações específicas (por exemplo, houve um aumento de demanda devido a uma situação especial) ou até mesmo por meio de informações do mercado. 

Planejamento de produção e suprimentos

Deve haver também o planejamento de produção e suprimentos. Para isso, é necessário listar os itens indispensáveis para o estoque da empresa, para que não surjam problemas no processo de produção.

Imagine, por exemplo, que haja um pedido de 50 produtos, mas que os suprimentos dentro da empresa não dêem conta dessa demanda. Por meio do planejamento S&OP, essas situações não acontecem, já que houve um planejamento conciso, que analisou os dados para evitar esse cenário.

Porém, é preciso lembrar que o seu estoque precisa de equilíbrio, pois tanto o excesso quanto a falta podem ser prejudiciais e sinônimo de prejuízo. 

Reunião prévia

Para que todo o planejamento realizado até aqui seja aprovado, é necessária uma reunião prévia, que avalie a organização das demandas dentro da empresa e depois o que foi decidido sobre a produção e suprimentos que estão dentro do estoque.

Por meio dessa primeira avaliação é possível detectar problemas e até mesmo indicar outras estratégias. Elas precisam fazer parte administrativa e operacional, para criarem meios mais viáveis para integrar essas duas áreas e, posteriormente, fazerem a distribuição dos produtos. 

Reunião final

O S&OP é uma estratégia que liga duas áreas a fim de organizá-las e fazer com que trabalhem juntas. Essa união auxilia principalmente no planejamento e na tomada de decisões para evitar problemas futuros e aumentar os lucros de uma empresa.

Com a reunião prévia realizada e as mudanças necessárias apontadas, a reunião final visa somente ver se os erros foram corrigidos e se a estratégia pode realmente ser colocada em prática. Além de fazer os ajustes necessários. A primeira discussão serve como uma forma de identificar possíveis falhas e a última como uma maneira de validar tudo que foi discutido até aqui. 

Vantagens do S&OP

S&OP

Agora que você já sabe o que é S&OP e as suas etapas, vamos entender as vantagens e retornos que a sua empresa tende a ter. 

Por isso, listamos aqui os benefícios que você pode desfrutar ao adotar esse método de planejamento empresarial:

  • Planejamento concreto e conciso, que traga resultados positivos para empresa;
  • Fácil visibilidade de quais são as demandas e suprimentos disponíveis no estoque;
  • Integração dos setores administrativos e operacionais;
  • Previsão de possíveis falhas administrativas/operacionais;
  • Correção prévia de situações inoportunas.

Então, ao se questionar sobre: “S&OP o que é?” É fundamental lembrar que essa é uma ferramenta para alinhar e avaliar processos. Então, analise se esse é um método indicado para o seu negócio e aplicá-lo para tornar o processo de organização ainda mais eficaz.

Para você que curtiu o assunto, aproveite para conhecer um pouco mais sobre a Miidas e nossas soluções em consultoria empresarial! Temos profissionais com mais de 20 anos de experiência no mercado e que estão dispostos a ajudá-lo a implementar as ferramentas mais eficientes para o seu negócio.